08
set

0

Bolo Formigueiro Low Carb

O boy resolveu entrar na dieta (não 100%, porque ele ainda faz gordices, come arroz..mas ta quase la!) e um belo dia me pediu: “faz um bolo formigueiro ‘da dieta’ “.

Dani Maria Braga em ação! Peguei um bolo de coco, receita que uma amiga me passou, e adaptei pro formigueiro. Deu super certo! Todo mundo que provou, amou! Mãos á obra?

Ingredientes:

  • 6 ovos
  • 100 g de coco ralado
  • 60 g de coco em flocos ou lascas
  • 2 colheres de manteiga
  • 200 ml de leite de coco
  • 2 xícaras de chá de farinha de amêndoas (ou outra oleaginosa)
  • 1 colher de sopa (bem cheia) de psylium
  • 150 g de xylitol
  • 2 colheres de chá de fermento
  • chocolate amargo ou 70%  picado pequeno ou em raspas (para a receita eu usei o Dark Small Flakes da Callebaut)

Modo de fazer:

Esse bolo é a coisa mais fácil do mundo de fazer. Bata todos os ingredientes com um fuet, um a um. Ou seja, bata bem todos os ovos. Depois acrescente o coco. Em seguida, a manteiga derretida, depois o leite de coco. E vá batendo e acrescentando até chegar ao chocolate.

Finalmente, divida a massa em forminhas de silicone (eu faço isso pela praticidade de comer, mas você pode colocar em uma forma grande, untada). Leve ao forno médio baixo, pre-aquecido, até que a superfície dos bolinhos comece a ficar corada.

Aqui em casa, comemos assim mesmo. Mas você pode acrescentar um pouco de chocolate derretido sobre o bolo antes de servir. Rendeu 12 porções. Bon appetit!

 

 

07
fev

0

Bolinho de frango com couve flor

 

Pensa num trem delícia, pra comer de café da manhã ou lanche da tarde. E super low carb!

Ta achando que é difícil de fazer? É nada!

Ingredientes:

  • 1 kg de peito de frango
  • 1 couve flor
  • 2 colheres de requeijão
  • cebola
  • alho
  • temperos diversos
  • sal
  • farinha de linhaça pra “empanar”

Modo de fazer:

Cozinhe o peito de frango na pressão. Eu já gosto de colocar alguns temperos nesse momento, pro frango não ficar “sonso”.

Desfie o frango. Você tem várias opções pra isso. Pode escorrer a água do cozimento e chacoalhar a panela de pressão, ou passar o frango no processador. Se escolher o processador, não deixe pedaços muito pequenos.

Cozinhe a couve flor.

Divida o frango em duas partes. Uma delas será o recheio. A outra será usada na massa.

Para o recheio, refogue a cebola e o alho com um fio de azeite. Em seguida, coloque uma das partes do frango desfiado. Nesse momento, capriche no tempero! Usei páprica, curry, ervas finas, cebolinha e manjericão frescos.  Eu coloquei uma colher de passata de tomate para dar cor, mas é opcional. Antes de desligar o fogo, coloque o requeijão. Você também pode usar cream cheese se preferir. Optei por colocar os dois, pois queria algo bem cremoso. Desligue o fogo e reserve.

No processador, ou liquidificador, coloque o restante do frango e a couve flor cozidos. Processe bem, até virar uma massinha. Nesse momento, também usei alguns temperos, como alho em pó, sal, páprica doce.

Depois disso, é só fazer as bolinhas com a massa e colocar o recheio. Após enrolar, passe na farinha de linhaça. Você pode assar no forno convencional ou na air fryer. Fica uma delícia!

Eu congelei em pequenas porções. Fica  super prático pro dia a dia!

14
nov

2

Croquetes Low Carb de Brócolis

E nesse mundão de gordices que me encontro, estando ao lado de alguém que come, come e não engorda nunca, eu continuo inventando moda pra manter a dieta low carb o mais delícia possível!

A receita dessa fez foi croquete de brócolis. Bóra colocar a mão na massa?

croquete-de-brocolis-2

Ingredientes:

Meia bandejinha de brócolis ninja

5 fatias de bacon

1/2 cebola

3 dentes de alho

50gr de queijo provolone

1 ovo

farinha de linhaça

sal

temperos a gosto – usei pimenta do reino, páprica doce, manjericão, ervas de provence, coentro

Modo de fazer:

Bata o brócolis no processador até triturá-lo bem(se vc não tiver, use o liquidificador, mas faça aos poucos, senão ele não tritura).

Acrescente a cebola, o alho e o bacon, e bata novamente. Acrescente o queijo e bata muito bem. Eu coloquei um pedaço inteiro e demorou pra bater. Seja esperta e pique menor rsrs

Acrescente os temperos e o ovo e bata novamente.

Desligue o processador e acrescente cerca de 2 colheres de farinha de linhaça na massa e mexa com uma colher. Eu queria usar farinha de coco, mas não tinha. A de amêndoas vai deixar a massa muito mole.

Em um prato, coloque mais farinha de linhaça pra empanar os bolinhos. Eu temperei essa farinha com alho e aipo em pó.

Faça bolinhas delicadas com a massa e empane. Leve pra air fryer ou pro forno. Se for pra air fryer, não coloque um bolinho sobre o outro pois vai grudar. Rende cerca de 15 bolinhos e eu fiz em duas remessas. Coloquei poe 15minutos na air fryer a 200º. Abri na metade do tempo pra virar e tostar dos dois lados.

Fica uma delícia, crocante por fora e macio por dentro!croquete-de-brocolis

 

11
out

16

Bolo prestígio Low Carb

Ah, que isso? Elas estão descontroladas! hahahaha  Gente, foi só eu postar a foto do bolo que todo mundo ficou doido querendo a receita! Não é pra menos rsrs

Então, anotem aí e façam essa delícia! Só não pode se entupir de bolo, viu?!

bolo-prestigio

Ingredientes para o bolo:

200 ml de leite de coco

4 colheres de sopa de cacau em pó

1/2 xícara de xylitol

3 colheres de óleo de coco

4 ovos

1 1/2 xícara de farinha (misturei de amêndoas e de coco)

uma pitada de sal

1 colher de psyllium

1 colher de fermento

Modo de fazer:

Leve ao fogo baixo o leite de coco, 2 colheres de cacau, o óleo de coco, 2 colheres de xylitol. Deixe engrossar.

Enquanto isso, bata as claras em neve e reserve.

Separadamente, bata as 4 gemas com o restante do xylitol. Bata loucamente.

Acrescente a mistura da panela e continue batendo.

Vá acrescentando um a um e batendo. Primeiro a farinha, depois o psyllium, o sal, o restante do cacau.

Pare de bater e misture delicadamente as claras em neve e o fermento.

Leve ao forno, pre aquecido 180 °,  por 30minutos.

Para o recheio:

bolo-recheio200 g de coco ralado (se for coco fresco fica mais saboroso)

300 a 400 ml de creme de leite fresco

1 colher de óleo de coco

100 g de  xylitol

Leve ao fogo baixo e vá mexendo até engrossar. Fica no ponto de beijinho

Assim que o bolo esfriar, corte-o ao meio e recheie.

 

 

bolo-coberturaGanache:

200 g de chocolate 70%

creme de leite fresco

Derreta o chocolate em banho maria ou no microondas. (se for no microondas, mexa de 1 em 1 minuto para não queimar o chocolate.)

Vá acrescentando o creme de leite aos poucos e mexendo até ficar na consistência desejada (de mais ou menos 350ml).

Depois de rechear o bolo, cubra com a ganache e leve à geladeira.

 

05
out

0

Escondidinho de carne seca com cabotiá

Meninas lindas (e meninos) do meu coração, que estão descabeladas pedindo a receita do escondidinho, anotem e façam essa delícia.

escondidinho

Ingredientes:

meia abóbora cabotiá

700gr de charque

2 cebolas

7 dentes de alho

2 tomates

2 colheres de cream cheese

cebolinha

sal

pimenta

páprica

ervas finas

Modo de fazer:

Comecei na noite anterior, deixando a carne de molho na água, para dessalgar. Troquei a água 3 vezes (2 no dia anterior e 1 de manhã).

Coloque a carne na panela de pressão, com bastante água. É uma carne dura e vai levar um tempinho pra cozinhar.

Como comprei a cabotiá com casca, levei ao microondas por 6 minutos. Esperei esfriar e tirei a casca com mais facilidade. Pique em cubos.

Em uma panela, refogue 1 cebola e 4 dentes de alho cortados em cubinhos. Depois, acrescente a cabotiá. Cubra com água quente e ervas finas (não era o que eu queria usar, mas como não fiz na minha casa, era o que estava disponível. Você pode usar os temperos de sua preferência) e cozinhe até desmanchar. Depois, bata no liquidificador ou direto na panela, se seu mixer permitir. Não descarte a água! É nela que está todo o tempero. Não desperdice esse sabor maravilhoso! Bata tudo junto. Acrescente a páprica, a pimenta e acerte o sal. Leve ao fogo para engrossar. Cuidado! Pois borbulha e vai pular pra fora da panela e sujar seu fogão todinho (adivinha como eu descobri rs). Reserve.

Verifique se a carne cozinhou a ponto de desfiar. Eu tive que voltar a minha pra pressão por mais alguns minutos. Depois de desfiar a carne, reserve.

Em uma panela, refogue a outra cebola e o restante do alho, tudo em cubinhos. Quando estiverem começando a dourar, acrescente a carne desfiada e refogue por uns minutinhos, pra que os sabores se misturem.

Acrescente os tomates picados e refogue por uns 2 minutos. Logo depois, acrescente o cream cheese e a cebolinha. Não é necessário colocar sal, pois a carne já é bem salgada. Coloque apenas um pouco de pimenta,ou outro tempero, se você quiser.

Depois disso, é só montar o seu escondidinho. Em um refratário, coloque uma camada da cabotiá, espalhe toda a carne e cubra com o restante da cabotiá.

Se for fã de queijo, você pode cobrir com queijo e levar ao forno para gratinar! Se não, apenas leve um pouco ao forno para aquecer e aproveite!

 

 

05
out

0

Muffin low carb

Gente, postei a foto hoje e várias pessoas pediram a receita. Dá até vergonha de postar, de tão fácil de fazer! Mas, o que vocês me pedem que eu não faço, né?!

PRE-PA-RA pra fazer em 10 minutos!!rsrs

muffin

Ingredientes para 6 muffins:

3 fatias de bacon

meia cenoura

meia abobrinha

4 ovos

queijo de sua preferência (misturei provolone com ementhal nesssa receita, porque eram os que eu tinha)

sal

pimenta

temperos de sua preferência

Modo de fazer:

Eu usei forminhas normais, mas se você tiver de silicone, é muito melhor pra desenformar!

Untei as forminas com azeite. Piquei o bacon, a cenoura e a abobrinha em cubinhos. Temperei com sal, pimenta moída na hora e coloquei meia colher de alho frito.

No fundo das forminhas, coloquei esse mix e reservei.

snapchat-7934122045102981875

Em um bolw eu bati os 4 ovos com um garfo e também coloquei um pouquinho de sal.

Cobri os vegetais com o ovo, quase até a borda.

snapchat-2364072650079912021

Depois, acrescentei queijo ralado e um pouquinho de orégano (mas nem era necessário). Levei ao forno pre aquecido até o queijo dourar.

snapchat-2508632801330776097

25
nov

0

Desafio 30 Dias

desafio 30 dias

Sumemu, gente! Como eu disse la no instagram, embolostrei! Sei porque, como e quando.  E resolvi criar vergonha na minha cara de bola de boliche!

Como aconteceu e por que aconteceu? Simples. Eu furei a dieta. Viajei pra competir, não consegui levar opções da dieta pra tantos dias. Na primeira viagem, fiquei 1 dia indo, 1 dia voltando e 3 dias em hotel. No hotel não havia opções da minha dieta. Na semana seguinte, viajei de novo e também não havia opções da minha dieta.

Verdade seja dita, na primeira dessa duas viagens, depois de sair do hotel às 10h da manhã, fazer a prova e chegar no hotel ás 19h, faminta e cansada, tinha festival de massas como jantar. E o que eu fiz? Mergulhei de cabeça nas massas. Não satisfeita, resolvi jacar com classe e comer sobremesa. Cheia de açúcar. Não satisfeita, eu quis sobremesa todos os dias. Eu não enfiei o pé na jaca. Enfiei logo minhas 4 rodas nela, atolei e lá fiquei a viagem toda.

“aaaahhh, tia Dani, mas você fez uma prova de triathlon. Você pode.”  Posso nada! Por causa da minha lesão medular alta (tenho lesão C7), meu metabolismo é mais lento que lesma dando ré! E, justamente porque eu fiz a prova, a semana antes e a depois (que eu tinha mais um triathlon) e a posterior à segunda prova, foram de treinos mais leves. E a regra é clara: comeu e não gastou? Embolostrou!

No dia seguinte à segunda prova, dei uma palestra e, após soltar o microfone, compareci ao jantar que também fazia parte do evento. Comi como se não houvesse amanhã, porque no dia anterior “aaaahhh tia Dani, você fez um triathlon”. Cheguei em casa passando mal e assim fiquei até 3h da manhã! Arrepiava. Não suava frio porque não transpiro. Não dormia, sentia vontade de vomitar.

Naquela madrugada do terror, eu resolvi que ia parar de graça e ia parar de furar a dieta! Comecei a reler algumas coisas que li no início do meu processo de mudança para a dieta low carb e decidi, por mim mesma, desafiar-me. Qual a vantagem de furar a dieta, passar mal, ficar inchada, e mais pesada pras provas? Daquele dia, até a última prova do ano, eu teria 28 dias, então resolvi fazer um desafio de 30 dias, pra emagrecer o que eu engordei (ou pelo menos um pouco).

Na manhã seguinte, decidi compartilhar minha meta nas redes sociais. Primeiro, porque as pessoas iriam me cobrar (e sim, me cobram!). Segundo, porque talvez mais pessoas topassem se juntar a mim e, um animando o outro, poderia ser muita gordura (que não significa muitos quilos) eliminada. Logo, eu comecei a receber muitas mensagens, de pessoas que toparam  o desafio e iriam fazer o mesmo! Achei o máximo!

O mais engraçado é que, no mesmo instante, e toda vez que falo que to fazendo o Desafio 30dias, recebo várias mensagem pedindo “me manda o que você está fazendo”. Ta bom!

Em que consiste o Desafio 30 dias? Consiste em VOCÊ NÃO FURAR A SUA DIETA POR 30 DIAS! É isso? Sim, é isso! Eu não vou furar a minha dieta e você não vai furar a sua. Fim! Eu vou fazer o meu treino e você vai fazer o seu, pra queimarmos a gordura estocada e termos mais saúde e qualidade de vida! Sem neura, sem segredos e sem fórmulas mágicas mirabolantes.

“ah, tia Dani. Mas eu não tenho uma dieta. Qual é a sua?” Aí é que está! A minha é minha! Pra minha lesão medular, pro meu metabolismo, pro tanto de treino que eu faço. Se você não tem a sua, tenho vários nutricionistas bons e a minha endócrino, pra te indicar!

“Nossa tia Dani, como você é má”. Não gente, não sou má! Simplesmente não sou nutricionista e não posso te falar pra fazer uma coisa, se eu não tenho formação pra isso.

Mas, pra vocês não ficarem me xingando daqueles nomes lindos que murcham qualquer jardim, eu falarei um pouco sobre a minha dieta, que tá mais pra estilo de vida. “Então porque você furou?”  Porque eu não sou neurótica!hahahaha

Há alguns (poucos) meses, decidi retirar mais algumas coisas da minha alimentação e partir pra dieta low carb. O que eu tirei da minha alimentação? O pouco açúcar que restava (joguei no lixo tudo que ainda tinha no armário da cozinha e comecei a ler mais rótulos ainda) e o pouco de farinha branca que restava na minha vida. Além disso, decidi baixar bastante a quantidade de carboidrato que eu coloco no prato. Até a quantidade de macarrão integral e arroz integral eu diminui pra menos da metade do que eu comia, tirei o pão integral e a aveia do café da manhã e dos lanches da tarde, e tirei o macarrão ou arroz do jantar. Também evito batata inglesa. A batata doce é indigesta pra mim.

Além disso, pra alegria do meu paladar, acrescentei gorduras boas na minha dieta. Elas incluem óleo de coco, leite de coco, abacate, pasta de amendoim, azeite, manteiga (não margarina), mais ovos, mais castanhas, gordura natural das carnes e até creme de leite e bacon. Mas bacon não dá câncer? O bacon artesanal, sem aquele montão de conservantes, não.

Mas você tá comendo gordura pra perder gordura? Sim, estou! Quem me acompanha no snapchat há algum tempo viu que deu resultado quando mostrei os resultados dos meus exames com a Dra Paula Leal. Parou de dar certo quando eu me entupi de farinha branca e açúcar nas viagens. Agora, voltei pra minha vida.

É fácil fazer essa dieta? Quem me acompanha no snap há alguns meses viu que as primeiras 5 semanas são o terror de qualquer pessoa! Eu sentia cansaço, mal humor, sonolência e queria comer tudo da geladeira, a geladeira, o pneu da cadeira de rodas, a cortina, o lençol…tudo mesmo! Depois das primeiras semanas, o corpo se adapta às novas fontes de energia e fica bem mais tranquilo! Todo mundo viu o que eu estava comendo todos os dias, e como foi delicioso, depois que passei do período de adaptação.

E quais os benefícios disso?

fonte: @coachtecomendes
fonte: @coachtecomendes

 

E o que posso comer?

fonte: @coachtecomendes
fonte:
@coachtecomendes

Nossa, mas que difícil! Na verdade, não é difícil! Nós fomos educados  de outra maneira. Mas pergunte à sua avó como era quando ela era criança e o que eles comiam. Nós temos que voltar a comer daquele jeito! Muitos legumes, verduras, carne. Naquela época, não tinha refrigerante, não tinha comida congelada, bolacha recheada, coisas em caixinhas. Comida com prazo de validade de 1 ano? 2 anos? Fala sério!

Nossa, como você ta radical! Tão radical que eu comi um montão de doces na viagem. Mas, estou tentando refinar ainda mais minha mudança de hábitos, que começou há 10 anos. E por que tudo isso? O que mais me motivou foram duas amigas que saíram vitoriosas do câncer e mudaram sua alimentação. Comecei a ler e pesquisar e descobrir os malefícios de algumas coisas, que nem são alimentos, como o açúcar, por exemplo.

E por onde eu posso começar?

por onde começar paleo

 

Como início de leitura e aprendizado, sugiro os seguintes instagrams, que levam aos sites e snapchats deles:

@coachtecomendes

@doutorbarakat

@laranesteruk

E o blog do Doutor Souto: http://www.lowcarb-paleo.com.br/